Museu do Pico

Sentir a vida, agreste e corajosa, nas terras onde a baleação e a viticultura ajudaram a moldar vidas e paisagem

O que conseguir do solo vulcânico e do mar, que rodeia e liga as ilhas, é um permanente binómio, profundamente desafiante, que atravessa todos os Açores. O Museu do Pico consegue, através dos seus três polos, mostrar até que ponto essa busca pode atingir elevados padrões de heroísmo e de qualidade. Heroísmo na caça a baleias e cachalotes, origem de histórias fantásticas, de sacrifício, riqueza e comércio, de emigração e de progresso tecnológico. Qualidade no modo como, com engenho, esforço e conhecimento, foi possível transformar um solo agreste, rude e pouco fértil, numa paisagem vitícola, hoje incluída na Lista do Património Mundial da UNESCO. As exposições do Museu contam, com os seus objetos e textos, o que foi e é esse labor constante, seja nos artefactos da baleação, nos da criação de vinhas e vinho, ou nos testemunhos das relações comerciais, culturais e políticas criadas em seu redor.

Espaços do Museu do Pico: Museu dos Baleeiros, Museu do Vinho, Museu da Indústria Baleeira.



Featured Parts

This museum has no featured pieces.