Caldeira a vapor


Autor: Desconhecido
Data: S/d
Material: Ferro/tijolo burro
Dimensões: 417 cm x 277 cm x 667 cm
Origem: Esta máquina foi adquirida por Francisco Marcelino dos Reis em 1941. Foi Montada em 1942/1943 e funcionou até 1973. A sua manutenção foi feita pelo Sr. Amaral e ao Patrão Manuel, entre 1980 e 2000
N.º de inventário: FBPP.010
Coleção: Fábrica da Baleia de Porto Pim
Acervo: Museu da Fábrica da Baleia de Porto Pim, em exposição encontram-se dois exemplares
Obs.: Foi instalada na Fábrica em 1941. Foi comprada por Francisco Marcelino dos Reis em 2ª mão de uma antiga Fábrica de Lanifícios na Covilhã que pertencia à firma Campo Mello & Irmãos. Data de 1904. Fabricada no Porto. Com 120 m2 de superfície de aquecimento. O combustível utilizado era madeira e alguns torresmos que sobravam das autoclaves. A sua função é aquecer a água para gerar vapor. Caldeiras tubulares de água, nas quais a água corre através de um conjunto de tubos que ficam na passagem dos gases quentes do fogo